Bolsonaro diz que Jesus usaria arma de fogo, se existisse


Candidato do PSL à presidência da República, Jair Bolsonaro mandou Marina Silva (Rede) ir ler “Livro de Paulo”, no momento em que defendia o porte de arma de fogo e foi repreendido pela candidata.


Publicado em 18/08/2018.

bolsonaro-crianca-arma-mao
Bolsonaro ensina criança a fazer gesto de tiro com a mão. Reprodução.

Em entrevista ao jornal O Globo, o candidato à presidência da República Jair Bolsonaro (PSL) afirmou que Jesus usaria arma de fogo, se já existisse naquele tempo. O candidato fez a declaração ao explicar o que ele quis dizer com a frase “Leia o Livro de Paulo”, dita por ele à candidata Marina Silva (Rede), no debate presidencial realizado pela Rede TV!, nessa sexta (17).

— Eu não lembro qual livro. Jesus Cristo não foi totalmente passivo. Expulsou os vendilhões do templo. Se tivesse arma de fogo, seria usada — disse ele.

Além disso, Bolsonaro afirmou que a Bíblia contem passagens que pregam o uso de armas por cristãos:

— Paulo fala: “venda suas capas e compre espadas”. Está na Bíblia. A Bíblia é nossa caixa de ferramenta. Quando ela (Marina) disse que eu estava errado em falar em armamento, na Bíblia tem essa passagem. É que naquele tempo (da Bíblia) não tinha arma de fogo, se não com toda certeza seria ponto 50 e fuzil.

Além de citar versículos isolados para justificar sua política armamentista, o candidato do PSL não se preocupa muito em referenciar corretamente os livros bíblicos. A passagem a que ele se refere não foi escrita por Paulo, mas dita pelo próprio Jesus Cristo e anotada no Evangelho de Lucas, capítulo 22, versículo 36:

“Disse-lhes pois (Jesus): ‘Mas agora, aquele que tiver bolsa, tome-a, como também o alforje; e, o que não tem espada, venda a sua capa e compre-a'”.

Porém, no mesmo capítulo, os discípulos oferecem uma espada a Jesus e ele mostra indignação, deixando claro que a fala não era literal. Ou seja, Jesus não estava ninguém para uma batalha material, mas espiritual.

“E eles disseram: ‘Senhor, eis aqui duas espadas.’ E ele (Jesus) lhes disse: ‘Basta!'”

Lucas 22:38

Indo adiante no contexto, no momento de sua prisão, Jesus repreendeu um dos que estavam com ele, por cortar a orelha de um homem que fazia parte do grupo que foi prendê-lo, guiados por Judas Iscariotes, o traidor:

“E, vendo os que estavam com ele o que ia suceder, disseram-lhe: ‘Senhor, feriremos à espada?’
E um deles feriu o servo do sumo sacerdote, e cortou-lhe a orelha direita.
E, respondendo Jesus, disse: ‘Deixai-os; basta!’ E, tocando-lhe a orelha, o curou.”

Lucas 22:49-51

O que dizem os teólogos

O Globo ouviu alguns teólogos, que enfatizaram a necessidade de analisar as passagens bíblicas no contexto em que foram ditas. Também chamaram a atenção para o perigo de interpretar a Bíblia literalmente, o que quase sempre leva a conclusões errôneas, e o uso político da religião.

— Jesus nunca defendeu o uso de espadas, nem nesta passagem nem em nenhuma outra passagem de qualquer dos evangelhos. Ao lermos os textos bíblicos, devemos ter o cuidado de inseri-los no seu devido contexto, seja este contexto textual ou histórico. Assim, evitamos interpretações literais que costumam estar incorretas — avaliou Monica Selvatici, professora associada do Departamento de História da Universidade Estadual de Londrina.

O embate entre Marina Silva e Jair Bolsonaro na Rede TV!

O acalorado embate entre Marina Silva e Jair Bolsonaro foi ponto alto do debate promovido pela Rede TV! Candidata foi elogiada nas redes sociais, por defender as mulheres e repudiar a proposta de liberar porte de arma de fogo para todos cidadãos. Leia aqui!

Marina citou a um versículo bíblico, relembrando um episódio recente, em que Bolsonaro ensinou uma criança a fazer gesto de tiro com a mão:

“Você um dia desses pegou a mãozinha de uma criança e ensinou como é que se faz para atirar. Você sabe o que a Bíblia diz sobre ensinar uma criança? Ensina a criança no caminho em que deve andar, e até quando envelhecer não se desviará dele.”

O debate levou Marina Silva ao primeiro lugar dos Trending Topics do Twitter, uma lista em tempo real das palavras mais postadas no microblog, as mais em alta em todo o mundo. São contabilizadas hashtags e nomes próprios.

Marina foi exaltada, elogiada e comentada nas redes sociais, muito mais que seus adversários políticos.

Acompanhe nossa Coluna Política!

Um comentário

Comentários

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s