Pastor progressista, Ariovaldo Ramos visita Lula em Curitiba

“Em visita ao ex-presidente Lula, em Curitiba, Ariovaldo levou apoio dos evangélicos e o tranquilizou.”

O pastor Ariovaldo Ramos em visita ao ex-presidente Lula, na sede da Polícia Federal em Curitiba. Reprodução da internet.

O pastor progressista Ariovaldo Ramos visitou o ex-presidente Lula, que está preso há quase três meses na carceragem da sede da Polícia Federal, em Curitiba. A visita aconteceu nessa segunda-feira (25).

Ariovaldo é líder e um dos fundadores da Frente de Evangélicos pelo Estado de Direito, um coletivo político-religioso de esquerda que reúne cerca de 10 mil pessoas em uma página no Facebook. É pastor e membro da igreja Comunidade Cristã Reformada, em São Paulo.

Durante a visita, Ariovaldo disse que Lula está bem, apesar do revés sofrido recentemente no Supremo Tribunal Federal (STF), quando o ministro Edson Fachin decidiu mandar um recurso da defesa do ex-presidente ao plenário da suprema corte, composta por 11 juízes, e não à 2° turma, que tem apenas 5 juízes e poderia votar favorável a sua liberdade:

“Encontrei um homem forte, resiliente, que sabe que está sofrendo perseguição política e que está absolutamente convicto da sua inocência […] Conversamos muito sobre fé. Ele me falou sobre sua fé em Jesus Cristo, sobre seus momentos de meditação […] e a certeza que ele tem de que vai vencer, de que vai ficar demonstrada a sua inocência […]”

O pastor considera Lula um preso político, inocente e perseguido pela elite do país:

“A única explicação para tudo isso é o ódio que a elite brasileira tem em relação ao pobre.”

Ariovaldo disse ainda que tranquilizou e apoiou o ex-presidente, exortando-o a manter a fé:

“A minha palavra para ele foi que continue nessa fé, continue certo de que nós estamos do seu lado […] Deixei claro para ele que os eleitores evangélicos em favor do governo Lula cresce cada vez mais, estão ganhando cada dia mais consciência de que estamos diante de uma perseguição política, de que não há nenhuma prova, nada que desabone o presidente Lula […] Oramos juntos, invocando a presença de Jesus Cristo, e pedimos ao Espírito Santo que intervenha em favor da liberdade, em favor dos pobres, em favor da nação brasileira.”

Ariovaldo foi alvo de ataques de evangélicos, quando participou da vigília em favor da liberdade de Lula, no Sindicato dos Metalúrgicos, São Bernardo do Campo, em abril deste ano, pouco antes de sua prisão.

Condenação de Lula em primeira e segunda instância

Lula foi condenado pelo juiz da 13ª Vara Federal de Curitiba, Sérgio Moro, a 9 anos e meio de prisão, por corrupção passiva e lavagem de dinheiro, no caso do tríplex de Guarujá, em julho de 2017. Segundo o juiz, Lula teria recebido o apartamento como propina.

A defesa recorreu, mas os desembargadores do Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4) mantiveram a condenação em segunda instância e ainda aumentaram a pena para 12 anos e 1 mês de prisão, em regime fechado.

Lula foi preso em abril deste ano, logo após ter seu pedido de habeas corpus negado pelo Supremo Tribunal Federal (STF), por 6 votos a 5.

Além disso, Lula responde a outros processos, como no caso do sítio de Atibaia.

Há uma pressão de alguns ministros do STF para que seja discutida e votada a prisão em segunda instância pelo plenário da casa, o que poderia resultar na soltura de Lula, caso fosse revogada.

Assista ao vídeo abaixo!

Acompanhe nossa Coluna Política!

Comentários

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s